16 de outubro de 2015

ALTOS ESQUEMAS!

Altos esquemas! E ninguém sabe donde regressam! 
Saem do descapotável que para frente ao portão, com os longos cabelos à solta, alisam os minivestidos justíssimos, descalçam as sandálias de salto fino, calçam os tamancos, atravessam o quintal enlameado, entram na casa de lavradores onde a mãe parte os talos das couves para o caldo. Olha-as, encolhe os ombros e abana a cabeça. Já se habituou. Só não entende onde as filhas foram buscar os genes. Tão tolas!

Enviar um comentário